Roberta Reis - Redatora Freelancer

Call to Action: o que é e como usar?

Conheça a "chamada para ação" e saiba como ela pode fazer toda a diferença nos resultados do seu negócio.

Junte-se ao nosso grupo de redatores

Entre para a mellhor comunidade de redatores e receba os meus conteúdos com prioridade

Call to action, ou CTA, significa chamada para ação. É quando você dá ao seu visitante a possibilidade de comprar um produto, baixar um e-book ou se inscrever para receber uma newsletter.

Ela pode ser colocada em diversas páginas dentro do site, tudo vai depender do seu objetivo.

Ficou com dúvida?

Não se preocupe! Nesse artigo vou te explicar exatamente onde você pode colocar o call to action para garantir as tão esperadas conversões.

Aproveite as informações!

 

1- Call to action na home

A página principal não precisa mais ser apenas aquela de entrada para o seu site.

Apesar de não ser comum usar o call to action logo de cara, dependendo do contexto, pode ser sim bem interessante.

Vamos supor que colocou na home a propaganda de um curso novo que está oferecendo.

Se der a opção logo de cara para o visitante clicar para se inscrever, você vai facilitar muito o trabalho dele, além de garantir mais chances de compras.

 

2- CTA nas páginas do site ou do blog

Essa prática é a mais comum.

Ao final de um artigo, por exemplo, você pode colocar algo assim: “gostou das informações desse texto? Então clique aqui e inscreva-se para receber a nossa newsletter”.

Se o visitante gostou do conteúdo, pode ter certeza de que vai querer receber outros relacionados. Isso vai aumentar consideravelmente o tráfego na sua página.

Mas se você fez um e-book com as informações mais detalhadas sobre aquilo que ele acabou de ler, não pense duas vezes para colocar uma CTA para acesso a esse material.

"Se você gostou desse artigo sobre CTA, clique aqui e leia esse outro sobre landing page". Essa é mais uma ótima dica de call to action para o final de um artigo, pois ela remete o visitante a um outro que você fez e que pode complementar o que ele acabou de ler.

Caso tenha um e-commerce, coloque ao final de um artigo um link para o cliente comprar um produto que esteja relacionado com o texto que acabou de ler.

 

3- Call to action no e-mail marketing e na newsletter

Vai enviar e-mail marketing com campanhas e promoções para os clientes que se cadastraram?

Vai enviar uma newsletter com os temas dos novos artigos do blog?

O call to action, nesse caso, é o link colocado na arte do e-mail marketing ou da newsletter para o cliente clicar e ir para o site aproveitar essas informações e vantagens.

 

4- Call to action nas redes sociais

As redes sociais devem ser usadas por todas as empresas, afinal, elas são uma ótima forma de você alcançar o seu público-alvo, uma vez que concentra grande parte dele.

A CTA pode aparecer em um post de uma promoção para que o seguidor clique e vá para o site fazer a compra.

Ela também pode estar na apresentação de um novo artigo, para que ele leia na íntegra dentro do blog.

 

5- Vídeos

Costuma publicar vídeos no YouTube?

Ótimo, basta agora explicar para o telespectador que ele pode clicar no link da descrição para comprar um produto, por exemplo.

Essas com certeza foram dicas bem interessantes para você usar o call to action de maneira bastante estratégica.

Isso vai fazer com que as pessoas interajam com a sua página e realizem cada vez mais ações dentro dela.

Comprar um produto, acessar um artigo ou um e-book e participar de uma promoção são alguns exemplos de uso da CTA.

O importante é que você aposte nessa técnica de forma estratégica e atinja assim o maior número possível de visitas e de vendas!

Artigos Relacionados

Comentários

Junte-se ao melhor grupo de redatores

Entre na lista de redatores para fazer parte do grupo exclusivo e receba os meus conteúdos com prioridade

X

[planilha gratuita]

Quanto é Possível Ganhar Como Redator Freelancer?

Descubra quanto um redator freelancer pode faturar por mês de acordo com o nível de experiência

Não tenho interesse, obrigado.

- Todos os direitos reservados - Roberta Reis